31 de ago de 2010

Trem da Vida

Ai gente...eu sei que não tem muito haver com o assumto do blog mas.....eu preciso desabafar porque simplesmente não consigo mais me concentrar aqui no trabalho.
Não sei se ja ouviram falar na tal "líderança Sensível"...nome dado aos líderes (gerentes, coordenadores, responsáveis...) sensíveis aos desejos da organização e que estão ou deveriam estar altamente ligados nas melhores práticas de RH..
Pois é...muitos se autoclassificam como tal, enquanto que na realidade são bem o oposto.
Difícil mesmo é ver a injustiça....pessoas dentro do mesmo ambiente de trabalho, ganhando inclusive remuneração extra por serviços prestados que estejam fora do escopo preliminar (embora todos saibamos que não é bem assim) enquanto outros que trabalharam afinco...por mais de 5 anos já não conseguem nem sequer negociar sua saida da organização.
Dói muito ver o ganho de uns e a perda de outros...Se bem que neste caso até nem sei quem realmente saiu ganhando...Talvez minha colega ao sair daqui ganhou muito mais do que qualquer presente...Pena que não se deu conta antes....
Dói mais ainda perceber que acreditamos na causa de uma organização mas a diretoria consegue dilacerar cada item das boas práticas de respeito não à um funcionario, mas ao próximo.
Doeu demais a saída de uma colega..que recebeu a noticia apenas porque pressionou a gerencia...senão ficaria ao "vento" esperando.....
Quando será que teremos novas regras de trabalho???? Quando será que poderemos criar um código de ética....e compreender...que acima de tudo está o respeito...o carinho e a ética com aqueles que serviram a uma instituição?????
É nestas horas que começo a ver que preciso urgente, o mais urgente possivel correr atraz do MEU sonho...antes de ficar cosntruindo o sonho de outros...

Desculpem o desabafo!

3 comentários:

  1. Pois é,...também me convenço cada dia mais disso!

    ResponderExcluir
  2. Aline querida,as oportunidades aparecem em nossa frente, e esta em nós sabermos aproveitar a porta que se abre pois ela se fecha em um minuto.O caminho que percorremos na busca da nossa paz dos nossos sonhos tem muitos obstáculos, e o preço que pagamos pode nos custar um pouco caro...mas te digo, vale a pena..pois é a nossa vida, é ela é uma constante viagem, do nascimento a morte as necessidades se transformam e o trem segue adiante, a vida é o trem e não a estação. Por isso digo a todas que estão presas nas amarras de uma organização desse tipo...LIBERTEM-SE, vão em busca do seus caminhos, seja por um sonho antigo, seja por uma vontade inesperada de fazer algo nunca feito antes, não esperem pelos outros, pois vcs são unicas, aproveitem o momento pra não deixar a vida passar em branco.
    Não levo rancor nem mágoa... mas sim o que aconteceu me deu mais coragem pra enfrentar os desafios. Obrigada pelo apoio.
    Beijo grande da peregrina Cris.

    ResponderExcluir
  3. Injustiça, Injustiça, sim... existe em todos lugares e a todo momento, mas quando ela é proxima da gente parece que nos atinge em cheio. Mas como você comentou sua colega pode ter ganhado muito mais. Cá entre nós, ganhou sim, com certeza. E nada como o poder que é inerente a todo ser humano: o poder de recomeçar tudo de novo, de escrever uma nova história. Podemos não apagar o passado mas podemos reescrever nosso futuro. Para isto temos que ser protagonistas das nossas próprias histórias no palco da existência. E pra finalizar uma frase pra aqueles "líderes": "Quem é um manual de regras esta apto a lidar com máquinas e não com pessoas".
    Beijos do SuperBeto.

    ResponderExcluir